Sindicato orienta servidores a não assinar termo de adesão salarial - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
24 de janeiro de 2020
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Sindicato orienta servidores a não assinar termo de adesão salarial

24 de janeiro de 2020 l 10:33
Materia atualizada: 24/01/2020 l 12:45




Compartilhe!

Recentemente servidores da educação tem recebido comunicado da Secretaria Estadual da Fazenda que menciona participação do mesmo (a) na greve e traz proposta de recebimento de salário mediante alguns termos. Ao aderir à proposta, os funcionários concordariam em receber seus salários no dia 20 de janeiro, com posterior desconto em parcelas mensais e consecutivas, até o limite legal de 20%.

Entrevistado no programa Jornal da Manhã desta sexta-feira (24), o presidente do 33º Núcleo do Cpers, Joner Marchi Nascimento, disse que este comunicado é uma tentativa do Governo em legitimar uma ação coagindo os servidores. Ressaltou ainda que a greve foi totalmente legal, uma vez que os servidores têm esse direito ao receber os salários em atraso, como está ocorrendo.

Diante desse cenário, o Sindicato ingressou com ação na justiça, orientando os funcionários da educação a não assinar o termo. Joner também lembrou que na próxima segunda-feira haverá sessão extraordinária da Assembleia Legislativa para votação do pacote de medidas do Governo. Ônibus vai sair de São Luiz Gonzaga no domingo rumo à Capital. A votação deve se estender do dia 27 ao 30.

Rádio Missioneira


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados