Caso o clima ajude, entidades do agro esperam preços compensadores já no período de inverno - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
11 de agosto de 2020
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Caso o clima ajude, entidades do agro esperam preços compensadores já no período de inverno

Foto: Abiove
11 de agosto de 2020 l 14:59
Materia atualizada: 12/08/2020 l 08:33




Compartilhe!

O preço histórico da soja, que até a manhã desta terça estava em R$ 114,00, anima os produtores e entidades representativas do setor. Segundo dados da Fecoagro, enquanto o custo da lavoura de soja aumentou em 9,9%, o preço da saca, no mesmo período, teve acréscimo de 51%, o que é, talvez, um fato inédito.

Em entrevista no programa Jornal da Manhã desta terça (11) o presidente da Fecoagro, Paulo Cezar Vieira Pires, disse que o desafio agora será produzir, algo que foi difícil no Rio Grande do Sul devido a estiagem na safra 19/20. Porém, se o clima ajudar a partir de agora, já se esperam bons preços para o período do inverno.

Enquanto isso a agenda do Presidente da Fecoagro também inclui acompanhamento das reformas tributárias, tanto em nível federal como estadual. Analisando o que já foi proposto, Pires acredita que o governo federal quer simplificar as coisas, mas, logicamente, isso deverá ser bem analisado. Já na esfera estadual, observa-se que o governo vem com a proposta de competitividade, mas adota algumas estratégias contrárias – um dos pontos negativos citados pelo entrevistado foi a oneração dos itens da cesta básica.

Mesmo entendendo que as reformas devem ocorrer para que o nosso país apresente melhorias, o Presidente da Fecoagro avalia que o povo quer mais simplificação e competitividade, mas também não deseja pagar mais impostos.

Rádio Missioneira


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados