Vereadores se reunirão com diretoria do HSLG para solicitar prestação de contas da instituição - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
16 de julho de 2020
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Vereadores se reunirão com diretoria do HSLG para solicitar prestação de contas da instituição

Vereadora Ana falou sobre o assunto em entrevista no programa Jornal da Manhã. Foto: arquivo Rádio Missioneira
16 de julho de 2020 l 09:19
Materia atualizada: 16/07/2020 l 16:07




Compartilhe!

Trabalhos na Câmara de Vereadores e situação do município em termos de regularização fundiária foram assuntos de entrevista da vereadora Ana Barros (PT) no programa Jornal da Manhã desta quarta (15). Destacando a preocupação com a saúde, Ana tem defendido as normas de isolamento social acima de qualquer utilização de medicamento controverso.

Com reunião marcada para esta quinta-feira com a Comissão Especial da Saúde do Legislativo, os vereadores conversarão com profissionais da área e diretoria do Hospital. O objetivo é atualizar sobre a situação do HSLG e também solicitar prestação de contas sobre as entradas e saídas do hospital. Ainda sobre recursos, a vereadora disse que, das próximas verbas parlamentares, a partir de agora, 20% será destinado para novos serviços.

Sobre a regularização fundiária, a vereadora considera que o processo, hoje, está mais simples, mas, mesmo assim, a administração municipal não consegue dar o devido andamento. Lei federal garante direito a gratuidade dos terrenos e custas cartoriais, facilitando muito para as prefeituras. Porém, segundo Ana, São Luiz Gonzaga não tratou esse assunto como deveria.

Conforme explicou a vereadora, desde a administração do prefeito Junaro esse assunto vem sendo mal conduzido. Ela lembrou da terceirização, por parte do poder público, de serviços de cadastro, isso ainda na administração passada, envolvendo duas empresas, que deixaram a desejar em muitos aspectos. Uma delas, inclusive, cobrou 30 parcelas de R$ 84,00 por morador para entregar títulos e averbações de suas casas. Após muitos debates em torno da questão, a Prefeitura entregou cerca de 100 escrituras no Bairro Joaquim Nascimento, mas várias com metragem incorreta e sem averbação das casas. Reforçando o recado sobre a regularização fundiária, Ana disse que cobrará dos próximos candidatos a prefeito um projeto completo voltado a esse assunto.

Rádio Missioneira


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados