Sindicato dos municipários discutiu insalubridade com nova mesa diretora da câmara de vereadores

Compartilhe!

Na manhã desta quinta-feira (10) ocorreu uma reunião na Câmara de Vereadores, na oportunidade esteve presente o vereador, José Antônio Flach Werle, presidente do legislativo, assim como, o  vice-presidente, vereador Laureano Castilho e a primeira secretária, vereadora Ana Clara Brum de Barros. Representavam o Sindicato dos Municipários, o presidente Nilson de Chaves, o vice-presidente Altamir Genesco de Matos, a primeira secretária, Célia do Amaral Caetano, a segunda secretária Simone Wünsch e o assessor jurídico Charles Bakalarczyk.

A reunião foi solicitada pelo sindicato para iniciar uma discussão em torno da decisão judicial em prol do executivo a respeito da insalubridade dos servidores.

O sindicato apontou as atividades insalubres não contempladas pelo executivo no projeto, mas que merecem atenção do poder público, pois, segundo a entidade, coloca em risco a vida dos servidores, além das perdas salariais consideráveis. Desta maneira, o órgão sindical solicitou atenção da Câmara de Vereadores para essa questão.

O presidente do legislativo, Piti Werle destacou, que ao assumir a gestão em 2019, existe um compromisso com a mesa diretora de valorização do poder legislativo, com uma atuação ética e responsável. Desta forma, quando se fala de insalubridade, se percebe um processo moroso de definição, e assim, o presidente do legislativo, declara, que ao ser solicitada a análise deste processo por parte da câmara, o mesmo se fará, pensando no bem público.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Câmara de Vereadores de São Luiz Gonzaga