Santo Antônio das Missões: Alunos da Rede Estadual continuam sem transporte - Rádio MissioneiraRádio Missioneira
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
18 de outubro de 2018
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Santo Antônio das Missões: Alunos da Rede Estadual continuam sem transporte

18 de outubro de 2018 l 14:00
Materia atualizada: 18/10/2018 l 14:37

Problema se prolonga desde o dia 27 de setembro e diretora da Escola Achilino de Santis se pronunciou sobre reunião com a 32ª Cre





Compartilhe!

Após o término do contrato com as empresas de transporte algumas escolas estão com as aulas suspensas desde o dia 27 de setembro. A Escola técnica Achilino de Santis possui um percentual superior a 90% de alunos dependentes do transporte e na terça-feira (16) recebeu o representante da 32ª CRE que falou sobre a situação.

O encontro foi entre a comunidade escolar e o coordenador regional de Educação Vitor Hugo Nascimento e aconteceu após tratativas para que fosse realizada uma audiência na sede da CRE, Vitor preferiu se deslocar até a escola no Rincão dos Miranda, ele se dirigiu a pais, alunos e professores.

Na tarde da quarta-feira, a diretora da escola Ana Emília Dutra Nunes concedeu entrevista a Rádio Missioneira, disse que infelizmente não havia muita expectativa em relação à reunião, pois todos eram sabedores da dificuldade de acerto entre a secretaria estadual de Educação – Seduc e as empresas transportadoras. O fato novo foi a afirmação do Vitor Hugo que nesta quinta-feira seria realizado um pregão eletrônico e que a expectativa é que 62 empresas participem. Fato que se confirmou durante a manhã.

Afirmou que a maior preocupação é em relação aos dias parados que prejudicam os alunos em um momento importante em que se aproxima o fim do ano letivo. Para os professores o trabalho deverá avançar pelo mês de janeiro e comprometerá o planejamento de todos.

Ana Emília lamentou a interrupção das aulas em um período extremamente importante para os alunos, citou o exemplo das séries iniciais, em que o processo de alfabetização e de iniciação a escrita ficam comprometidos pela inesperada suspensão das aulas, lembrou dos alunos que se preparam para o Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem que acontecerá nos dias 4 e 11 de novembro.“Em um momento decisivo em suas vidas de estudantes eles não estão tendo a possibilidade de rever conteúdos com o auxílio dos seus professores”. Disse.

Ela lamentou o que considera falta de planejamento da Seduc em relação ao término do contrato que ocorreu em 26 de setembro e que resulta na segunda suspensão de aulas. O início do no letivo foi atrasado por 30 dias pelo mesmo motivo.

Somente O Colégio Tolentina Barcelos Gonçalves e Escola Anathalia Jacques Ourique da Vila Santa Rosa dispõem de transporte e funcionam normalmente. A Escola Joaquim Nascimento Barcelos está com aulas normais mesmo sem transporte, os pais se esforçam para levar seus filhos até a Vila São José. A exemplo da Achilino de Santis, a Erico Veríssimo da Vila Manoã não está realizando aulas.

Atualização

O pregão eletrônico foi realizado nesta manhã desta quinta e foram vencedoras as duas empresas que realizavam o transporte. Nesta sexta-feira o coordenador Vitor Hugo é convidado do Jornal da manhã e vai falar sobre o assunto.

Por Rogerio Morais


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados