Roque Gonzales será palco do 5º Manifesto, Canto e Poesia Nheçuanos - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
29 de outubro de 2013
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Roque Gonzales será palco do 5º Manifesto, Canto e Poesia Nheçuanos

29 de outubro de 2013 l 07:21
Materia atualizada: 29/10/2013 l 07:21




Compartilhe!

O evento, que a cada ano ganha mais adeptos, vai reunir historiadores, indigenistas, professores, músicos, poetas e declamadores de todo o país

A legitimidade da luta travada pelo líder Guarani Nheçu, em defesa da cultura indígena será reafirmada por meio de debates, palestras e música e versos nos dias 15 e 16 de novembro. É a 5ª edição do Manifesto, Canto e Poesia Nheçuanos, que acontece em Roque Gonzales, na região das Missões. A comissão organizadora do evento garante momentos de cultura e um novo olhar sobre a história da região e dos índios Guaranis, com a inauguração da Biblioteca Pública Cacique Nheçu; exposição de artefatos e artesanato Guarani; 5ª Cavalgada Nheçuana Guarani; shows; lançamento de livros, entre outros atrativos. 

O 5° Manifesto é uma iniciativa da Associação Cultural Nheçuana integrada pelo presidente, Marco Marques (51-9204 3487); vice-presidente, Giani Schmidt (55) 8105 9392, e pelo representante do conselho fiscal, Adriano Reisdorfer (55) 8114-1449. Mais informações sobre o evento:www.nhecuanos.com.br.

Quem foi o cacique Nheçu

Comandando diversas tribos indígenas na atual região missioneira, Nheçu impôs resistência àimplantação das Reduções Jesuíticas em terras Guarani, a partir de 1626. Este movimento de resgate da história missioneira iniciou há quatro anos na base do Cerro do Inhacurutum, na Linha Sobrado, município de Roque Gonzales e a cada ano ganha mais adeptos.

Os escritores Ruy Nedel, de Cerro Largo e Nelson Hoffmann, de Roque Gonzales são considerados os baluartes do Movimento Nnheçuano. "Esta jornada não visa um movimento de contestação histórica. Muito pelo contrário, trata-se de um novo olhar da história à procura de outras versões e verdades", destacou Nedel, acrescentando que a iniciativa é o resgate de uma história abandonada pelo seu conquistador. "Não podemos partir para a condenação. Quando temos a história escrita sob a visão dos poderes, é importante, quase uma obrigação revisarmos os fatos para e viabilizar um novo resgate da história", explicou Rui Nedel, que também é historiador. Para o escritor Nelson Hoffman o Manifesto Nheçuano tem representatividade grandiosa. “Nheçu foi o verdadeiro palanque da resistência indígena. Ele não se aliou a ninguém e lutou sozinho para salvar seu povo, sua terra e sua cultura”, enfatizou.

Convidados ilustres
Assim como Nelson Hoffmann e Ruy Nedel, outros convidados especiais já garantiram presença no evento, como os poetas, compositores e músicos Nilton Ferreira, de Jaguari; Família Guedes; João Máximo e Jorge Bomfim, de São Luiz Gonzaga, e Negro Lelé e Cristiano Bremm, de Foz do Iguaçu (PR). Escritores e historiadores como Antonio Cabrera "Tupã", de São Miguel do Iguaçu (PR); Odécio Ten Caten, de Capão da Canoa; Renato Jacob Schorr, de Santo Ângelo; Nelmo José Beck, de Santa Rosa, e Salvador Lamberty, de Santa Maria, entre outros nomes que ainda estão confirmandoa participação. Confira a programação:

5ª CAVALGADA NHEÇUANA GUARANI
(Organização: CTN Querência de Nheçu e Piquete Quinta-feira)
15/11 (sexta-feira):
08:00h – Saída, em frente à sede da ACN, em direção a Linha Sobrado
12:00h – Almoço na propriedade do sr. Enio Griepp, na Cab. Cinamomo
18:00h – Chegada no Cerro Inhacurutum, na Linha Sobrado
19:00h – Ato em homenagem póstuma ao companheiro Mite
20:00h – Tertúlia com Pedro Missioneiro
16/11 (sábado):
08:00h – Saída da Linha Sobrado em direção a Roque Gonzales
12:00h – Almoço na propriedade do sr. Justino Pereira, na Cab. Palmeira
19:00h – Chegada ao Manifesto Nheçuano, no Balneário Vista Linda

5º MANIFESTO, CANTO E POESIA NHEÇUANOS
(Produção e organização: Associação Cultural Nheçuanos)

14/11 (quinta-feira)

16:00h – Palestra para estudantes na Escola Escola E. Erico Veríssimo

15/11 (sexta-feira) Balneário Vista Linda

19:00h – Abertura e Exposição de artefatos e artesanato Guarani
20:00h – Lançamento de livros e sessão de autógrafos
21:30h – Lançamento do cd “Sem tinta”, de Jorge Guedes e Família
23:00h – Tertúlia Livre – Canto e Poesia Nheçuanos

16/11 (sábado) – Balneário Balneário Vista Linda

16:00h – Inauguração da Biblioteca Pública Cacique Nheçu (sede da ACN)
20:00h – Palestra e Debates
21:30h – Lançamento do cd “Sem Tinta”, de Jorge Guedes e Família
23:00h – Tertúlia Livre – Canto e Poesia Nheçuanos

 


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados