logo-nova

Rádio Online

Clique e confira

(55) 3352-4141

Fale conosco!

Rua Júlio de Castilhos 2236, Centro, São Luiz Gonzaga, RS

Rio Grande do Sul já contabiliza 13 mortes por leptospirose após enchentes

Compartilhe!

Chegou a 13 o número de mortes por leptospirose após os temporais e cheias no Rio Grande do Sul. Na última terça-feira (4), a Secretaria Estadual da Saúde confirmou mais cinco óbitos em razão da doença, transmitida na água suja, contaminada pela urina de ratos. 

Todas as vítimas são homens, com idades entre 30 e 69 anos, afirma o governo do estado. Há outras sete mortes pela doença que estão sendo investigadas. Cinco óbitos foram descartados após exames. A Secretaria da Saúde recebeu 3,6 mil notificações de casos de leptospirose, dos quais 242 foram confirmados.

Os exames que confirmam ou não os casos de leptospirose são feitos pelo Laboratório Central (Lacen). Os especialistas dispõem de dois diagnósticos: o de biologia molecular (RT-PCR), para casos suspeitos nos primeiros sete dias de sintomas, e o diagnóstico sorológico, que detecta o anticorpo produzido pelo organismo do paciente após sete dias de sintomas.

Fonte: G1 

IMPORTANTE: Não autorizamos a reprodução de conteúdo em outros sites, portais ou em mídia impressa, salvo sob autorização expressa.