Reformas que podem prejudicar trabalhadores é principal desafio da nova gestão do sindicato dos municipários - Rádio MissioneiraRádio Missioneira
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
21 de novembro de 2018
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Reformas que podem prejudicar trabalhadores é principal desafio da nova gestão do sindicato dos municipários

Foto: Nivaldo Maciel/Rádio Missioneira
21 de novembro de 2018 l 17:18
Materia atualizada: 21/11/2018 l 17:18

Nilson Chaves foi eleito presidente





Compartilhe!

Foi eleita na semana passada a nova diretoria do Sindicato dos Municipários de São Luiz Gonzaga. Nilson Chaves, que era tesoureiro, foi eleito presidente. Ele passou a ocupar o cargo de Altamir de Matos, que presidiu e entidade nos últimos dois mandatos. Em entrevista ao programa Jornal da Manhã, os líderes sindicalistas comentaram sobre o trabalho já realizado e as metas futuras.

Matos afirmou que passou o cargo de forma tranquila, com confiança ao companheiro de sindicato. Ele agradeceu ao funcionalismo pela caminhada conjunta nos últimos anos. O ex-presidente destacou que foram anos de avanços, em especial a aprovação do plano de cargos e salários, que é visto como modelo no estado. Altamir também salientou o investimento realizado na sede, com melhorias na infraestrutura, que está à disposição do quadro social. O dirigente frisou que nos últimos dois anos a entidade deixou de receber o imposto sindical, por determinação da reforma trabalhista. O valor corresponde a cerca de R$ 120 mil. Mesmo assim, o sindicato manteve o trabalho e possui dinheiro em caixa.

Chaves considera um desafio ser o presidente do sindicato. Ele enfatizou que formas em andamento no congresso e na assembleia podem prejudicar a classe. Por isso, acredita que o fortalecimento da classe é fundamental.

Nilson ainda ressaltou que tentará sempre o diálogo como maneira de buscar acordos e avanços.

Em relação à insalubridade dos servidores municipais, ambos comentaram que existem tratativas em andamento com a câmara e prefeitura, para resolver de vez a questão.

Fonte: Rádio Missioneira


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados