Presidente da AMM descarta qualquer possibilidade de retorno às aulas presenciais em setembro

Aumento no número de óbitos pela Covid 19 acabou por deixar a região de Santo Ângelo novamente na bandeira vermelha, mas, conforme o modelo de cogestão, foi possível adotar os protocolos da bandeira laranja. Mesmo assim a AMM segue orientando a respeito dos cuidados que precisamos ter com a prevenção ao vírus.

Entrevistado no programa Jornal da Manhã desta terça-feira (8), o presidente da AMM, Ademir (Mico) Gonzatto, disse que, apesar dos óbitos, o número de internações não sofreu aumento expressivo, e isso já justifica os protocolos da bandeira laranja. No entanto, ele segue muito preocupado com a situação, tanto que se declarou totalmente contrário ao retorno das aulas presenciais neste mês de setembro.

Informando ainda que reuniões estão sendo feitas com objetivo de compartilhar as ideias e opiniões dos prefeitos a respeito desse retorno presencial, Mico disse que o assunto segue sendo debatido, mas que a posição da AMM é a mesma, acreditando que não é o momento para expor as crianças e jovens.

Rádio Missioneira