Porto Xavier declara lockdown e toque de recolher para tentar conter a covid-19

Compartilhe!

Em quatro dias, cidade registrou 145 novos casos e duas mortes

A Prefeitura de Porto Xavier decretou nesta quinta-feira (29) lockdown em todo o município das 20h de sexta-feira (30) até as 5h da segunda-feira (3). Conforme nota divulgada pelo Executivo, está proibida a circulação de pessoas e a realização de qualquer atividade, com exceção dos casos de urgência e emergência, no âmbito do território de Porto Xavier.

A medida prevê apenas a operação em modalidade de plantão de farmácias, postos de combustíveis e laboratórios de análises clinicas. A ação rígida adotada pelo Governo Municipal busca achatar a curva de infectados e óbitos, reduzir o fluxo de pacientes aos hospitais e evitar que o sistema de saúde entre em colapso.

O município declarou também toque de recolher na cidade das 20h às 5h até o dia 7 de maio. Restaurantes, bares, lanchonetes e similares podem operar apenas nas modalidades de tele-entrega, drive-Thru e pague e leve até amanhã (30).

Conforme a prefeitura, a pandemia de covid-19 em Porto Xavier se agravou, sobretudo, nesta semana. Até hoje (29) o município já contabiliza 1.315 casos confirmados da doença. Somente em quatro dias, desde a segunda-feira (26), foram 145 novos casos e duas novas mortes. Outros 15 moradores estão hospitalizados com a doença em leitos clínicos e 8 estão internados em UTIs. A cidade já registra 27 óbitos.

“Isso significa que o potencial de contaminação é enorme e o risco de a doença se alastrar descontroladamente na população é grande. Soma-se a isso o número crescente de óbitos e internações hospitalares. Estamos num cenário que extrapola a zona de preocupante e só pode ser expresso como de calamidade”, afirma a nota da prefeitura.

Rádio Missioneira