Passada a votação do horário do comércio, Câmara volta atenções para outros assuntos - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
15 de maio de 2019
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Passada a votação do horário do comércio, Câmara volta atenções para outros assuntos

Presidente da Câmara, vereador Piti Werle. Foto: Nivaldo Maciel/Rádio Missioneira
15 de maio de 2019 l 11:46
Materia atualizada: 15/05/2019 l 14:47




Compartilhe!

Alguns dias após a aprovação do projeto de lei de regulamentação do horário do comércio em São Luiz Gonzaga, o presidente da Câmara de Vereadores, Piti Werle, foi entrevistado no programa Jornal da Manhã desta quarta-feira (15). O assunto principal, claro, foi a mudança no horário proporcionada pela nova lei, assegurando legalidade para os empresários locais e igualando São Luiz a outras cidades.

Sobre a sessão, Piti ressaltou que os trabalhos, acompanhados por um plenário lotado, foram conduzidos de forma democrática e organizada. Para o vereador o resultado final contempla uma necessidade da sociedade, acreditando que, com isso, vão ser gerados novos empregos no futuro. A partir de agora os empresários têm a possibilidade de fazer um estudo de viabilidade econômica para decidir se abrem em horário diferenciado ou não.

Viagem à Brasília

Resolvida a questão desse projeto, a Câmara deve focar em outras demandas, como viagem à Brasília onde o Prefeito Sidney Brondani apresentará alguns projetos. Também será oportunidade para que os vereadores mantenham contato com lideranças que fizeram compromisso com o Hospital São Luiz Gonzaga, que precisa de apoio dos parlamentares para resolver crise originada pela falta de repasses governamentais.

Asfaltamento

Outro assunto da entrevista foi a situação das ruas da cidade, em alguns casos onde vias centrais estão apresentando um aspecto cada vez pior. Segundo Piti, São Luiz Gonzaga não possui capacidade de usinar pequenos volumes de material asfáltico para fazer uma operação tapa buracos e isso já é uma dificuldade.

Como possui conhecimento na área, Piti sugeriu ao Executivo que utilize uma espécie de asfalto pré-misturado, de ótima qualidade, justamente para demandas de operação tapa buracos. Logicamente isso exige licitação e aporte de recursos, mas, como vereador, Piti apenas deu a sugestão, pois acredita que o modelo atual de operação não é viável.

Rádio Missioneira


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados