Nara Mendes defende vacinação contra a covid-19 de trabalhadores da educação

Compartilhe!

Em entrevista ao programa Jornal da Manhã na Missioneira FM 94.9 nesta terça-feira (20) a vereadora Nara Mendes (MDB) voltou a evidenciar a sua posição favorável a vacinação contra a covid-19 dos trabalhadores da área de educação em São Luiz Gonzaga.

Conforme Nara Mendes, no mês de fevereiro uma moção de sua autoria já foi encaminhada, solicitando a imunização dos educadores. Segundo a vereadora, a medida visa permitir uma retomada gradual segura das aulas presenciais. “Nada substitui o professor e os pais estão angustiados com as dificuldades que os filhos estão enfrentando no aprendizado remoto”, considera Nara.

Para a vereadora, muitas famílias não dispõem de internet, impressora e acompanhamento rotineiro dos responsáveis nas tarefas dos alunos, o que evidencia a falta que as aulas presenciais estão causando aos estudantes. Nara ressalta que continuará defendendo a vacinação do grupo.

Sobre a área de educação e assistência social, a vereadora informa que na próxima sexta-feira (23) realizará uma visita ao Centro de Referência ao Autismo em Santa Rosa. Uma comitiva, formada pelo vice-prefeito Piti Werle e pela secretária de Saúde Clari Ramborger, acompanhará o encontro. O objetivo é buscar informações para realizar a instalação de um Centro de Referência ao Autismo também em São Luiz Gonzaga.

Falando sobre a aprovação do Parecer Comissão Permanente de Constituição e Justiça (CCJ) que alegou ser como institucional o Projeto de Lei de autoria da vereadora Ana Barros (PT), o qual buscava uma alteração no horário de funcionamento do comércio varejista local aos domingos, Nara Mendes disse que seguiu o que o jurídico da Casa Legislativa afirmava ser o correto. “A parte legal é o que prevalece”, considerou a vereadora.

Nara Mendes disse que conversou com trabalhadores do setor e que os mesmos informaram estar satisfeitos com o emprego e disponibilidade de trabalhar aos domingos. “Se cada um contribuir diariamente com o comércio de bairro, todos os setores saem ganhando e o emprego é mantido em São Luiz Gonzaga”, conclui a vereadora.

Rádio Missioneira