Liquidação da Cotrijuí: associação pode recorrer de decisão judicial - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
26 de outubro de 2019
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Liquidação da Cotrijuí: associação pode recorrer de decisão judicial

Aprovado em assembleia, processo de liquidação extrajudicial teve início em 2014. Foto: Cotrijuí
26 de outubro de 2019 l 11:18
Materia atualizada: 27/10/2019 l 09:42




Compartilhe!

Anunciada durante esta semana, em decisão do juiz Guilherme Corrêa, da 1ª Vara Cível da Comarca de Ijuí, a liquidação total da Cotrijuí veio como uma cartada final da Justiça, em uma decisão após se analisar um horizonte sem soluções para o problema de um passivo superior a R$ 2 bilhões. No entanto, a Associação de Credores, Amigos e Interessados no Soerguimento da Cotrijuí (Acaisc) vai recorrer desta decisão.

A informação é da colunista de Gaúcha ZH, Gisele Loeblein. Abordando a situação da Cooperativa, ela utilizou o título “Agonia que se prolonga” em sua coluna deste sábado, 26 de outubro. Segundo Gisele, a sentença judicial deixa a Cotrijuí muito perto do encerramento de sua atividades, porém, como cabe recurso, ainda existem duas alternativas: embargos de declaração, ainda ao juiz de primeiro grau, ou recurso junto ao Tribunal de Justiça do Estado.

Veja também:

Juiz decreta liquidação da Cotrijuí

Mesmo após liquidação da Cotrijuí, Frigorífico Estrela tem atividades garantidas até 2021

Segundo informado, a Acaisc aguarda apenas a publicação do parecer emitido pelo juiz Guilherme Corrêa para se manifestar. O endividamento teve início no ano de 2000, com aprovação de liquidação extrajudicial em assembleia extraordinária, realizada em 2014. O texto também menciona o frigorífico de São Luiz Gonzaga como uma das várias unidades da Cooperativa que estão arrendadas.

Rádio Missioneira 

 


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados