logo-nova

Rádio Online

Clique e confira

(55) 3352-4141

Fale conosco!

Rua Júlio de Castilhos 2236, Centro, São Luiz Gonzaga, RS

João Iuri esclarece a sua posição sobre julgamento da denúncia contra vereadores

Compartilhe!

Nesta quarta-feira (1º), o vereador João Iuri de Oliveira (PSD) trouxe o seu posicionamento sobre o julgamento da denúncia contra os vereadores Mário Trindade e Nodir Maronese, realizado pela Câmara Municipal na última segunda-feira (30).

Conforme o vereador, no dia 31 de julho, o Poder Legislativo recebeu uma denúncia de concussão e extorsão contra os dois vereadores. O prazo para realização do julgamento era de 90 dias.

João Iuri fez duras críticas. “O que aconteceu na segunda-feira foi o julgamento da denúncia. Teve dois vereadores, Ana e José Luiz, que não sabiam o que estavam votando e votaram pela cassação”, disse.

Segundo o vereador, a prova que havia contra os acusados — o áudio — não se sustentou após a análise da perícia, que indicou mascaramento, sobreposição, descontextualização, copiar, colar e cortes. “É uma prova nula, não tem como fazer uma condenação de dois vereadores desta forma”, disse.

João Iuri finaliza afirmando que o parecer do relator, vereador Francisco Lourenço, pela improcedência, confirma o seu posicionamento. “A única prova apresentada estava editada”, finalizou.  

Rádio Missioneira 

IMPORTANTE: Não autorizamos a reprodução de conteúdo em outros sites, portais ou em mídia impressa, salvo sob autorização expressa.