Eleições 2018: não é permitido votar somente para um cargo - Rádio MissioneiraRádio Missioneira
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
7 de outubro de 2018
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Eleições 2018: não é permitido votar somente para um cargo

7 de outubro de 2018 l 10:35
Materia atualizada: 07/10/2018 l 10:37

É necessário seguir a ordem de votação





Compartilhe!

As filas registradas na maioria dos locais de votação em São Luiz Gonzaga. No Posto de Saúde central, onde votam cerca de 900 eleitores, existem três seções. Como o espaço é pequeno, há filas no prédio. A orientação dos mesários do local é que eleitores vão até posto com antecedência, já que a espera pode ser grande.

Outro ponto de votação com grande movimentação é a Escola Gustavo Langsh Polivalente. Centenas de pessoas estão no local, onde existem seis seções. O total de eleitores no local é de 1963 pessoas. Conforme informações colhidas pela reportagem da Missioneira na escola, pessoas idosas estão com mais dificuldade na hora do voto, por isso demoram mais. Existem eleitores que levam até quatro minutos.

Um eleitora informou à reportagem que pretendia votar somente para presidente. No entanto, não é permitido votar apenas para um cargo. Todos devem ter voto, seja em candidato ou branco ou nulo. Também é obrigatório seguir a ordem: deputado federal com quatro dígitos; deputado estadual com cinco dígitos, dois senadores, com três dígitos, um governador (dois dígitos) e, por fim, para presidente da República (dois dígitos). A Justiça Eleitoral permite o uso de uma cola eleitoral com o número dos candidatos.

 

Fonte: Rádio Missioneira


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados