Despedida ao sargento Adair de Melo Porto é marcada por emoção

Compartilhe!

O fim de semana foi marcado pelo registro de diversos atos de homenagens ao 2º sargento da Brigada Militar Adair de Melo Porto, morto na madrugada do último sábado (1º), durante patrulhamento policial na cidade de São Nicolau.

O sargento Adair atuava na guarnição do município de Dezesseis de Novembro, onde residia com a família. As despedidas ao profissional, vitimado em serviço no Dia do Trabalhador, ocorreram na Igreja Quadrangular da cidade de Dezesseis de Novembro e contou com a presença de diversos colegas de farda. O corpo foi transladado, ainda no sábado, para o sepultamento em São Luiz Gonzaga, sendo acompanhado por um grande cortejo.

Nas redes sociais, a população de Dezesseis de Novembro exaltou o trabalho desenvolvido por anos pelo profissional. Batalhões de diversas regiões do Rio Grande do Sul realizaram “sirenaços” em homenagem ao colega tombado. A Brigada Militar divulgou uma nota lamentando a perda e se solidarizando com familiares, amigos e as comunidades dos municípios da região para os quais Adair se dedicou integralmente. Um vídeo em homenagem ao profissional foi publicado na página oficial da Brigada Militar no Facebook, disponível aqui. No Twitter, o vice-governador do Estado, delegado Ranolfo Vieira Junior, também se pronunciou e lamentou a perda, desejando sentimentos à família e amigos.

Homenagem realizada em Caxias do Sul pelo CRPO Serra | Foto: reprodução

 

Segundo a Brigada Militar, Adair estava de serviço no policiamento ostensivo, no município de São Nicolau quando, por volta de 1h30 da madrugada, ao atender ocorrência policial, foi alvejado. Ele chegou a ser socorrido no Posto de Saúde da cidade, mas em virtude da gravidade dos ferimentos, não resistiu. O autor dos disparos foi morto.

Adair de Melo Porto ingressou na Brigada Militar em 5 de outubro de 1987. Aos 56 anos, deixou a esposa e sete filhos.

Rádio Missioneira