Deputado Jerônimo se diz preparado para debater reforma da Previdência em comissão especial - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
25 de abril de 2019
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Deputado Jerônimo se diz preparado para debater reforma da Previdência em comissão especial

Deputado é um dos 34 integrantes titulares da comissão especial. Foto: divulgação
25 de abril de 2019 l 11:14
Materia atualizada: 25/04/2019 l 11:14




Compartilhe!

Na quarta-feira a Câmara dos Deputados determinou criação de comissão especial para debater a reforma da Previdência. O assunto foi pauta do programa Jornal da Manhã desta quinta (25), com entrevista do deputado Jerônimo Goergen (PP), indicado pelo seu partido como membro titular da comissão.

Integrante de um colegiado de 34 deputados titulares, Jerônimo diz que esse grupo terá uma grande responsabilidade pela frente, mas, ao que parece, essa comissão terá isenção partidária, já que muitos partidos, como o seu, foram convidados a integrar o grupo. Amplamente debatida muito antes de a comissão ser instaurada, a reforma da Previdência será aprofundada.

Político que abriu mão da aposentadoria parlamentar, da qual já poderia usufruir, Jerônimo diz se sentir muito à vontade para debater qualquer questão relacionada à reforma da Previdência. Ressaltando que a reforma deve ser consertada em alguns pontos, o Deputado disse que questões como a dos agricultores e agricultores familiares já estão sendo tratadas e esse trabalho de análise deve ser ampliado a partir de agora.

Hospital e Funrural

Sobre outras importantes demandas locais, como a iniciativa local de obter emendas parlamentares para o Hospital São Luiz Gonzaga, Jerônimo disse que não teria à disposição atualmente o valor de R$ 1 milhão que está sendo solicitado para cada deputado, mas lembrou que se comprometeu em ajudar.

Sobre a cobrança do Funrural, ele está confiante na aprovação de projeto de sua autoria, que retira o passivo dos produtores relacionado a esse imposto. Apoiado pelo Presidente da Republica, o projeto ainda precisa ser votado, o que deve ocorrer depois que se dissipar a mobilização gerada pela reforma de Previdência.

Rádio Missioneira


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados