Deputada Patrícia Alba lança Frente Parlamentar em Defesa do Comércio de Bens e Serviços

Compartilhe!

Iniciativa tem ampla parceria com a Fecomércio e mira as discussões sobre a Reforma Tributária, programadas para o segundo semestre

Com o objetivo de fortalecer a competitividade do setor terciário gaúcho, a deputada Patrícia Alba (MDB) lançou nesta sexta-feira (20) a Frente Parlamentar em Defesa do Comércio de Bens e Serviços. A instalação ocorreu no Salão Júlio de Castilhos, da Assembleia Legislativa, e contou com a participação do presidente da Fecomércio, Luiz Carlos Bohn, parceiro da iniciativa.

De acordo com Patrícia, o plano de trabalho terá como foco a simplificação do ambiente de negócios e a rediscussão da Reforma Tributária – esta programada para ocorrer no segundo semestre.

“O comércio de bens e serviços corresponde a 54% da nossa geração de renda e garante o maior contingente de empregos. Essa é uma prova clara de que não existe, nem existirá um Rio Grande do Sul forte sem um olhar estratégico para os nossos empreendedores”, disse a deputada.

Patrícia também reafirmou o compromisso de trabalhar contra a possibilidade de majoração do ICMS para 2022. A parlamentar já havia refutado a proposta aprovada em dezembro na Assembleia por 28 votos a 25, que prorrogou o aumento das alíquotas básica e para comunicações, combustíveis e energia. Para que o governo obtivesse a autorização do texto junto ao Parlamento, foi necessário afastar Patrícia do mandato, à época suplente, convocando o retorno do titular licenciado.

Em seu pronunciamento, o presidente da Fecomércio, Luiz Carlos Bohn, também alegou “contrariedade absoluta” à majoração da carga tributária.

“Além do fim de um prazo que era determinado e foi postergado, no momento de elevação de preço, energia combustível, não permitimos que o setor público tire mais renda disponível no bolso dos gaúchos”, afirmou.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Deputada Patricia Alba