Rádio Online

Clique e confira

(55) 3352-4141

Fale conosco!

Rua Júlio de Castilhos 2236, Centro, São Luiz Gonzaga, RS

Defesa Civil entrega 1.500 cestas básicas para famílias são-luizenses do interior

Compartilhe!

Itens foram destinados pelo Governo Federal para famílias afetadas pela estiagem

Com a publicação do decreto de situação de emergência em decorrência da estiagem, São Luiz Gonzaga foi contemplada com 1.500 cestas básicas – destinadas pelo Ministério do Desenvolvimento Regional – para serem entregues às famílias do interior do município.  

As cestas já foram entregues nas localidades do Limoeiro, Rincão de São Pedro, Assentamento Sepé Tiaraju, Assentamento Palma e Rincão dos Pintos. Nos próximos dias, também serão realizadas entregas nas localidades de Afonso Rodrigues, Assentamento São Sebastião, Rincão de Santana, Pontão de Santa Maria, São Lourenço, Capela São Paulo, Santa Inês, Assentamento Coqueiro e Assentamento Campos do Pontão. Para os beneficiários que não puderem retirar as cestas básicas nas datas combinadas, será agendado um dia para a retirada na cidade, no prédio das oficinas do CRAS (na Rua Vasco Alves, nº 3067, Bairro Centro).  

O cadastro dos moradores contemplados foi realizado pelos agentes de saúde das localidades. Nos locais que não possuem agentes de saúde, o cadastramento será feito presencialmente pela Defesa Civil e pela Secretaria Municipal de Agricultura (SEMAG). Para a inscrição, os beneficiados precisaram comprovar que residiam no interior do município, não possuírem mais de 20 hectares, terem renda familiar de até dois salários mínimo, não serem funcionários públicos e estarem inscrito no Salutar (programa dos agentes de saúde).             

O coordenador municipal da Defesa Civil, Nilton Nei Neves do Amaral, explica o processo realizado para a destinação das cestas básicas. “Tivemos uma comissão formada para discussões sobre a estiagem, integrada pela Emater, Coopatrigo, Sindicato Rural, Sindicato dos Trabalhadores, Secretaria de Ação Social, Secretaria de Agricultura e Secretaria de Obras. A comissão levantou os dados para o município decretar o estado de emergia devido à estiagem. Esse decreto foi para homologação do Estado e depois para reconhecimento do Governo Federal. Então, para receber as cestas básicas, elaboramos um projeto e encaminhamos para o Ministério do Desenvolvimento Regional, que liberou as 1.500 cestas básicas para distribuição conforme os critérios”.  

O titular agradece o apoio da Coordenadoria da Defesa Civil, com a atuação do coordenador adjunto, sargento Oliveira, e do tenente Cristiano Machado. Nei também agradece a equipe da Administração Municipal que tem auxiliado na entrega dos donativos nas localidades.     

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de São Luiz Gonzaga com informações da Defesa Civil  

Fotos: Volnei Oliveira / Assessoria de Imprensa   

IMPORTANTE: Não autorizamos a reprodução de conteúdo em outros sites, portais ou em mídia impressa, salvo sob autorização expressa.