Curso de Agronomia da Uergs encerra atividades letivas com importantes projetos aprovados

Compartilhe!

O Curso de Agronomia da Unidade da Uergs em São Luiz Gonzaga foi uma conquista da comunidade regional. Teve início em 2017 e atualmente conta com 4 turmas em andamento, com ingresso discente anual. No ano de 2020 enfrentou a pandemia da covid-19 sem interromper suas atividades acadêmicas, adotando como procedimento de prevenção trabalhar de forma remota as disciplinas teóricas, encerrando nesta semana o segundo semestre letivo de 2020. As atividades do semestre 2021/1 retornarão no dia 15 março, sendo inicialmente ofertadas aulas teóricas remotas e, quando liberado pela Universidade, práticas de campo de forma presencial. A Uergs está trabalhando em consonância com as recomendações dos órgãos de saúde internacional, gerando recomendações que visem garantir a sanidade de seus acadêmicos e colaboradores.

A turma que ingressou no ano de 2017 entra agora na fase final do curso, momento de extrema importância, no qual são realizados os estágios curriculares a iniciar já no mês de fevereiro nas mais importantes empresa da região, como: Coopatrigo, Emater, IRGA, CCGL, Embrapa Trigo e Prefeituras Municipais, as quais tem valorizado a aprendizagem acadêmica.

A superação deste período de pandemia foi desafiadora, mas à despeito de todos os limitantes impostos por esse momento sem precedentes na nossa geração, muitos projetos de pesquisa e de extensão foram desenvolvidos neste período e outros tantos foram aprovados, valorizando os Cursos da Unidade da Uergs em São Luiz Gonzaga. Destacamos os seguintes projetos: 1) Projeto de compensação ambiental SEMA/ENEL (Conversora de Energia) intitulado “Abelhas Missioneiras” sob a coordenação do Professor Dr. Rafael Meirelles, para o qual foi realizado um aporte financeiro no valor de R$369.000 , sendo que o mesmo já está selecionado e aguardando a assinatura de contrato em decorrência de adequações de projeto, por conta da pandemia. 2) Programa de Bioeconomia Brasil do MAPA, Projeto Centro Regional de Referência Tecnológica e Produtiva para as culturas de Erva-Mate e Oliveira, bem como a melhoria do Campo Nativo e a Difusão de Tecnologia juntos aos pecuaristas da Agricultura Familiar, que será implementado no Complexo Educacional Uergs/ETECruzeiro. Este foi desenvolvido em um consórcio de municípios da Associação dos Municípios das Missões – AMM e a parceria da EMATER para Difusão de Tecnologia no valor de R$507 000,00 (R$503 500,00 do MAPA e R$3 500,00 dos Municípios do Consórcio), já está contratado e espera sua fase de execução com Coordenação pelo Profº Eugenio Portela e Profª Rosicler Backes e um comitê gestor. Esta ação vai dar Estrutura Física ao Curso como Casa de Vegetação, Máquinas Agrícolas e Laboratório de Extensão Rural;3) Projetos de pesquisa “Diversidade e dinâmica populacional de percevejos (Hemiptera: Heteroptera) e seus inimigos naturais na cultura da soja em São Luiz Gonzaga, RS”  e “Diversidade de abelhas e locais de nidificação em áreas com diferentes usos na região das Missões, no Noroeste do RS”, que são coordenados pelo Prof. Dr. Rafael Meirelles, e que já estão no terceiro ano de avaliações de insetos pragas, inimigos naturais e polinizadores na região de São Luiz Gonzaga.

Em decorrência do momento delicado atual, nos foram impostas algumas limitações inerentes à mudança de modalidade de ensino. Afinal, as atividades presenciais não são possíveis, e por isso a adaptação de tecnologia e pessoal foram imperativas, sendo necessário concentrar a atenção nas turmas que estão em andamento.Desta forma trabalharemos neste novo ano acadêmico empenhados em garantir ensino de qualidade e atenção para os estudantes que já ingressaram no curso de Agronomia até o ano de 2020.

Sendo assim, não teremos ingresso regular em 2021, sendo aberto novas vagas a partir de 2022, com o objetivo de desenvolver um Curso de Agronomia de excelência no Estado.

Fonte: UERGS -São Luiz Gonzaga