Cooperativas das Missões participam de Seminário Regional - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
18 de novembro de 2019
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Cooperativas das Missões participam de Seminário Regional

Foto: José Schafer
18 de novembro de 2019 l 11:04
Materia atualizada: 18/11/2019 l 18:28




Compartilhe!

O 2º Seminário Regional de Cooperativismo, etapa Missões, reuniu cooperativas de diferentes ramos e pontos da região missioneira em um espaço para o acesso à informação sobre políticas públicas voltadas ao cooperativismo, além de oportunizar a discussão e a reflexão sobre os desafios do cooperativismo no século XXI. O evento realizado pela Emater/RS-Ascar, Prefeitura de Salvador das Missões e Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), com apoio do Sistema Ocergs Sescoop, esteve inserido na programação da 10ª Exposalm, feira de Salvador das Missões, que iniciou-se na quinta-feira (14/11), se estendendo até o domingo (17/11).

Entre as lideranças presentes estiveram o prefeito de Salvador das Missões, Daniel Gorski, o vice-prefeito, Quiliano Rauber, o presidente da 10ª Exposalm, Airton Schmidt, o coordenador regional da Seapdr, Jair Monteiro da Rosa, o coordenador estadual de Cooperativismo da Emater/RS-Ascar, Francisco Manteze e o secretário municipal de Agricultura, Paulo Tito Becker.

O extensionista rural da Emater/RS-Ascar, Marcos Servat, contextualizou o trabalho realizado, através do Programa de Extensão Cooperativa (PEC), da Seapdr junto a 29 cooperativas da agricultura familiar da região, que abrangem aproximadamente 2.950 associados.

Políticas Públicas

A contextualização das políticas públicas para cooperativas no Estado do Rio Grande do Sul foi abordada pelo diretor de Cooperativismo da Seapdr, Flávio José Smaniotto. O destaque foi para o PEC, que tem como objetivo assessorar cooperativas em sua gestão e organização, por meio de sete Unidades de Cooperativismo da Emater/RS-Ascar são assistidas a 189 cooperativas em todo o Estado. Smaniotto também esclareceu sobre a execução de outras políticas públicas como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento dos Pequenos Estabelecimentos Rurais (Feaper) e Consulta Popular.

Cooperativismo nas Missões

A região missioneira é reconhecida pela sua vocação voltada ao cooperativismo desde as primeiras experiências vivenciadas pelos índios guaranis nas Reduções Jesuíticas. Hoje, o cooperativismo é potencializado na região em diferentes setores, de modo especial, no ramo agrícola. Para conhecer mais sobre algumas das cooperativas atuantes em Salvador das Missões, os participantes do Seminário acompanharam a exibição de vídeos institucionais de cooperativas locais e da região. Cooperoque, Sicredi, Cermissões, Coopaf Vida Nova e Coopercaraguatá tiveram suas histórias apresentadas.

Desafios da Atualidade

Os desafios do cooperativismo no século XXI foram abordados pelo engenheiro agrônomo Dieisson Pivoto, em palestra viabilizada pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo do Estado do Rio Grande do Sul (Sescoop/RS). Pivoto é mestre e doutor em Agronegócios pela Universidade Federal do Rio Grande Sul (Ufrgs), professor em diversas instituições de Ensino Superior, consultor na área de agronegócios e cooperativas e pós-doutorando em Administração.

Em sua explanação, destacou a governança cooperativa e inovação em cooperativas, apresentando perspectivas e desafios futuros. Na pauta da palestra, o impacto das mudanças na sociedade e economia nas cooperativas; principais problemas de governança em cooperativas e como minimizá-las; inovação, desafios e perspectivas futuras para as cooperativas, para a sociedade e como a região noroeste se insere neste contexto.

Também destacou algumas proposições diante de desafios que têm se estabelecido diante da intensa mudança nos setores de negócios em que as cooperativas estão inseridas (créditos, seguros, agricultura e consumo), emergência de outros modelos organizacionais de empresas, coletivos e de ajuda mútua, negócios em plataforma, pools de compra coletivo, organizações de compra coletiva, desincentivo ao investimento dos cooperados na cooperativa e maiores custos organizacionais.

Ainda, propostas diante das mudanças na economia, problemas recorrentes do associado “carona” ou freerider, problemas de horizonte com a necessidade de criar mecanismos para equilibrar a visão do cooperado como cliente e dono ao mesmo tempo, e problemas de controle, superados com inovação.

Assessoria de Imprensa da Emater/RS-Ascar – Regional de Santa Rosa


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados