Rádio Online

Clique e confira

(55) 3352-4141

Fale conosco!

Rua Júlio de Castilhos 2236, Centro, São Luiz Gonzaga, RS

Confirmada a transmissão comunitária da variante Ômicron no Rio Grande do Sul

Compartilhe!

A Secretaria de Saúde, por meio do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs), declarou nesta sexta-feira (7) a transmissão comunitária da variante Ômicron do coronavírus. Até este momento, o Rio Grande do Sul já teve a identificação de 255 casos confirmados ou sugestivos para essa linhagem em 34 municípios ou em visitantes testados no Estado.

O conceito de transmissão comunitária ou local é definido quando o contágio entre pessoas ocorre no mesmo território, sem histórico de viagem ou sem que seja possível definir a origem da transmissão.

A variante foi identificada originalmente na África do Sul e é apontada como a responsável pelo súbito aumento de casos em vários países. Esse crescimento também já é percebido no Rio Grande do Sul nas últimas semanas. A declaração alerta para a importância de serem mantidas e reforçadas as medidas de prevenção: completar o esquema vacinal e as doses de reforço, usar máscara e evitar aglomerações.

Casos de ômicron confirmados e sugestivos no RS (até 7/1)

Campo Bom: 3
Canela: 3
Canoas: 15
Carazinho: 1
Dois Irmãos: 8
Esteio: 7
Estrela: 1
Garibaldi: 3
Gramado: 6
Gravataí: 1
Guaíba: 2
Itaara: 1
Maratá: 1
Montenegro: 1
Novo Hamburgo: 6
Osório: 1
Pelotas: 4
Piratini: 1
Portão: 1
Porto Alegre: 20
Progresso: 1
Santa Cruz do Sul: 1
Santa Maria: 18
Santana do Livramento: 3
Santiago: 1
São Leopoldo: 5
São Sebastião do Caí: 1
Sapiranga: 3
Sapucaia do Sul: 2
Sarandi: 1
Tramandaí: 1
Ubiretama: 1
Venâncio Aires: 1
Viamão: 3
Fora do RS: 15 (viajantes que vieram de outros locais)
UFSM: 111 (ainda é preciso confirmar as cidades de origem dos casos)

Fonte: Governo do Estado