Com "rentabilidade negativa", trigo é uma das pautas da Fecoagro na Expointer - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
30 de agosto de 2019
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Com “rentabilidade negativa”, trigo é uma das pautas da Fecoagro na Expointer

Foto: divulgação Expointer
30 de agosto de 2019 l 14:40
Materia atualizada: 30/08/2019 l 14:40




Compartilhe!

O presidente da Fecoagro, Paulo Cézar Vieira Pires, participa da Expointer, feira internacional realizada em Esteio, que neste ano se estende de 24 de agosto a 1º de setembro. Em participação no programa Jornal da Manhã ele falou sobre as principais pautas do evento relacionadas ao agronegócio.

Participando ativamente de palestras e painéis, Pires tem desenvolvido muito o assunto trigo na Expointer. Destacando que hoje o trigo e o arroz têm uma rentabilidade negativa, ele fez um comparativo com outras culturas, como o milho, que ainda consegue gerar um certo lucro, e o soja, que é a preferência geral pela sua lucratividade. O desafio é fazer o trigo ser mais competitivo, sem considerar o curso de produção, que dificilmente vai mudar.

Uma alternativa em relação ao trigo é criar uma variedade para exportação. O Rio Grande do Sul produz o dobro do trigo que consome, mas tem grande dificuldades para exportar o produto, mesmo dentro de seu próprio país, com outros estados optando pelo trigo estrangeiro. Pires propõe trabalhar em conjunto com órgãos de pesquisa, para identificar variedades de trigo que poderiam ser aproveitadas em diversas frentes de comércio e trabalhar para facilitar o trânsito do produto.

Sobre o acordo comercial do governo brasileiro com a União Europeia, o entrevistado disse que esse é o grande tema da Expointer. Para ele, o acordo é altamente positivo, sendo a tributação do governo brasileiro a questão que deve ser discutida. Segundo o entrevistado, é muito difícil prever cenários econômicos com o atual panorama político, onde muitas situações imprevistas acontecem. Apesar disso, ele observa que as metas do governo federal estão tendo sequência e a reforma tributária deve ser a próxima, contribuindo para simplificar processos burocráticos.

Rádio Missioneira


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados