Cerro vence mais um Clássico Missioneiro na abertura do returno - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
10 de junho de 2019
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Cerro vence mais um Clássico Missioneiro na abertura do returno

Pivô Silas comemora um de seus dois gols no jogo. Foto: Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker
10 de junho de 2019 l 08:03
Materia atualizada: 10/06/2019 l 14:48




Compartilhe!

A segunda etapa da primeira fase da Liga Gaúcha 3 teve início neste sábado, 8 de junho, com o Cerro Largo Futsal/Lojas Becker jogando fora de casa, contra a AEF de Entre-Ijuís. Sob muita pressão, o Leão Missioneiro encarou mais um clássico regional, onde saiu vitorioso pelo placar de 4×2.

O resultado manteve o Cerro com a liderança isolada do Grupo B, ostentando a marca de cinco vitórias em seis jogos disputados, com apenas uma derrota. Na próxima rodada, a expectativa é de mais um grande desafio, com partida em casa diante da Serade de São Borja, no sábado, 15, a partir das 20h.

Classificação

O Cerro Largo lidera o Grupo B, com 15 pontos, seguido da Serade, que tem 11 pontos. Completando a lista de equipes na zona de classificação para a próxima fase, temos AEF de Entre-Ijuís, com 7 pontos, e AFI de Itaqui, também com 7. O Ijuí Futsal está em 5º, com 6, e a AGE de Cândido Godói é o lanterna, com 2 pontos.

O jogo

Com desfalque do ala Maikinho e com uma lista de jogadores lesionados, o Cerro Largo “ganhou” mais um problema durante a semana, quando o artilheiro Karlinski sofreu lesão na panturrilha. Com isso a faixa de capitão passou para o fixo Rômulo, que começou o jogo junto com Nathan, Bigode e Yago, mais o goleiro Danilo.

As primeiras finalizações foram do Leão Missioneiro, mas quem inaugurou o marcador foi o índio. Com 2min22seg, jogada que começou pela direita terminou com passe para Zezinho, que, pela esquerda, completou para o gol. Pouco depois do gol, Yago sofreu falta na ala esquerda e jogadores de ambos os times tiveram uma pequena discussão, momento em que alguns atletas do banco da AEF se deslocaram até lá, entre eles o pivô Mauricinho, que, chegando lá, acertou um tapa em Rômulo.

Após um período de tensão, agora com participação de jogadores do banco de ambos os times, a arbitragem controlou a situação e Mauricinho foi expulso. Voltando ao jogo, outro lance gerou uma breve paralisação. Yago escapou pela esquerda e tentou tirar do goleiro Jeferson, mas este saiu da área e desviou a trajetória da bola com a mão. Mais uma expulsão para a equipe de casa, desta vez deixando a AEF com um a menos.

Mesmo com a vantagem numérica o Cerro Largo não conseguiu fazer o gol. Substituto de Jeferson, o goleiro reserva Clebinho fazia a diferença dentro de quadra, fechando o gol da AEF, que também diminuiu o ritmo, mesmo depois de voltar a ficar com um quarteto. Clebinho conseguiu segurar o Cerro até os 12min30seg, quando Bigode evitou a marcação na ala esquerda e chutou para fazer o gol de empate.

Sem dar folga ao seu adversário, o Cerro Largo mostrou consistência no final do primeiro tempo e fez mais dois. O gol da virada veio em bela troca de passes, com chute de Nathan, que pegou de primeira e deixou no ângulo, restando cerca de 4min para o fim do jogo. Com 2min para o intervalo, o pivô Silas recebeu a bola e fez o giro pra cima de Zezinho, ficando de frente para o goleiro, batendo firme e rasteiro para fazer o terceiro dos visitantes.

Na volta do intervalo o Cerro começou levando perigo, com lançamento de Danilo para finalização de Yago. Logo depois, foi Bigode que chutou cruzado, mas pra fora. Em roubada de bola, Paulinho saiu na cara de Danilo, mas o goleiro do Cerro – que apareceria muito ainda no segundo tempo – fechou o espaço e o jogador da AEF chutou pra fora. Insistindo no ataque, os donos da casa foram acumulando as melhores chances. Por volta dos 5min, Diógenes puxou contra-ataque, passou para Zezinho e ainda tentou chegar na segunda trave para completar o passe de Zezinho, faltando detalhes para sair o gol.

Antes da metade do segundo tempo, Diógenes recebeu bola lançada dentro da área do Cerro Largo. Ele matou no peito e lançou Paulinho, que sofreu falta e pênalti foi marcado. Carlos Henrique bateu e descontou no marcador, aos 7min12seg. Com o placar em 3×2, o jogo pegou fogo em Entre-Ijuís, mas os visitantes voltaram a marcar: pela direita, Yago evitou que a bola saísse e tocou para Silas. Dentro da área e sem marcação, Silas marcou seu segundo gol na partida, o quarto do Cerro Largo, com 12min28seg.

Como o placar de 4×2 ainda não dava toda a segurança necessária, muita tensão marcou os 7 minutos restantes, com muito trabalho para o goleiro Danilo e os marcadores do Leão Missioneiro. Com muita garra os visitantes garantiram os três pontos em mais uma jornada fora de casa.

Nos acompanhe:

Instagram: @cerrolargofutsal
Facebook: Cerro Largo Futsal

Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados