Campanha “O turismo não é o vilão” ganha apoio na região das Missões

Compartilhe!

Nesta terça (23), diversos municípios gaúchos se manifestaram em apoio a campanha “O turismo não é o vilão”. Na região das Missões, trabalhadores que atuam direta ou indiretamente no setor, estão realizando manifestações nas cidades e por meio das redes sociais, buscando retomar as atividades da cadeia produtiva do turismo.

Com responsabilidade, respeito e segurança, integrantes do turismo regional buscam mostrar ao governo do Rio Grande do Sul que o setor está preparado para uma retomada segura e planejada, mediante o cumprimento de todos os protocolos de segurança que desde o início da pandemia vem sendo observados.

Conforme os empreendedores, inúmeros segmentos vêm sofrendo perdas irreparáveis, com aumento no índice de desempregos e fechamento de diversas empresas por não possuírem mais fôlego para mantê-las. A maior reivindicação dos organizadores da ação, neste momento, é a reabertura das atividades no final de semana, não prevista no novo decreto.

Os trabalhadores do setor, através das redes sociais e de ações em diversas cidades e destinos turísticos, estão se manifestando com depoimentos em vídeos, faixas e roupas pretas em seus estabelecimentos, nos seus veículos, nas suas casas ou em pontos específicos em cada localidade, sempre respeitando os protocolos de saúde, para reivindicar ao governo do estado um posicionamento quanto a flexibilização referente a cadeia turística do Rio Grande do Sul.

Os integrantes do setor turístico afirmam, por fim, que é necessário fazer com que a saúde caminhe ao lado da economia. Destacam, ainda, que se não ocorrer esta flexibilização no momento, não existirá mais recursos para a saúde e para o assistencialismo e que cada cidadão deve fazer a sua parte, tendo conscientização e apreço mútuo pelo próximo.

Fonte: AMM

This slideshow requires JavaScript.