Bossoroca registra número recorde de casos ativos de covid-19

Compartilhe!

O município de Bossoroca voltou a registrar aumento nos números da pandemia nesta semana e agora vive o pior momento do enfrentamento à covid-19. O prefeito José Moacir Fabricio Dutra (Juca), concedeu entrevista ao programa Jornal da Manhã na Missioneira FM 94.9 nesta terça-feira (2), onde expôs a situação do vírus no município.

Conforme o prefeito Juca, o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde nesta segunda-feira (1º), confirmou que 46 pessoas se encontram com o vírus ativo no organismo. Ao todo, 104 pessoas estão em isolamento domiciliar em Bossoroca por apresentarem sintomas ou resultado positivo para a doença, um recorde desde o início da pandemia.

O município também confirmou na segunda-feira (1º) o sexto óbito em decorrência da covid-19. Segundo o comunicado do Hospital São Luiz Gonzaga, trata-se de uma paciente feminina, de 67 anos, que foi a óbito no último dia (27), durante transferência para a UTI de Santa Rosa.

“Tivemos uma queda considerável no registro de novos casos nas últimas semanas, porém, o município enfrenta a mesma situação do restante do país” enfatiza Juca, que ressalta a importância de cada morador contribuir fazendo a sua parte. “A atitude de um, beneficia todos”, pondera.

Segundo Juca, a Prefeitura de Bossoroca está seguindo as orientações do Decreto Estadual, mas salienta que, se mesmo após o fim das medidas estipuladas pela bandeira preta a curva de contaminação não baixar no município, novas restrições deverão ser implementadas pelo Executivo.

Quanto à vacinação contra a covid-19, Juca salientou que a mesma vem ocorrendo à passos lentos, mas espera que nas próximas semanas o ritmo de imunização ganhe força e ressaltou que se a compra de vacinas pelo setor privado for autorizada no país, conforme discussões que já estão sendo pautadas em Brasília, a Prefeitura de Bossoroca estará realizando a compra.

Rádio Missioneira