Armissões tem meta de recebimento e destinação de 800 toneladas de embalagens de defensivos para 2020

Compartilhe!

Novo presidente da Armissões, eleito de forma unânime na semana que se passou, Luiz Flávio Oliveira foi entrevistado no programa Jornal da Manhã desta terça (28), assim como a coordenador geral, Maristela Freitas. Em pauta, a importância da unidade local e os objetivos da associação neste ano atípico.

Primeiro a falar, Luiz Flávio destacou o papel que a Armissões exerce na região, sendo fundamental no recebimento e destinação correta de embalagens de defensivos agrícolas. Com isso, o trabalho dos diretores, feito sem qualquer remuneração, exige muita responsabilidade devido a essa importante questão ambiental.

Em sua palavra, Maristela trouxe algumas informações a respeito do trabalho no primeiro semestre do ano, marcado por adequações em meio à pandemia do novo Coronavírus. Mesmo com as restrições sanitárias, a unidade não deixou de receber material e hoje contabiliza cerca de 500 toneladas recebidas, com cerca de 456 toneladas já destinadas.

Destacando que o objetivo para este ano é receber e destinar 800 toneladas de embalagens, Maristela lembrou que o produtor deve agendar sua entrega de material, medida adotada desde o início da pandemia, adotada junto a outras medidas preventivas.

Rádio Missioneira