Agosto ainda pode apresentar alta no número de casos de Covid 19, com possível queda a partir de setembro - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
3 de agosto de 2020
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Agosto ainda pode apresentar alta no número de casos de Covid 19, com possível queda a partir de setembro

Dr. José Renato Grisolia (foto) foi entrevistado no programa Jornal da Manhã. Foto: arquivo Rádio Missioneira
3 de agosto de 2020 l 15:16
Materia atualizada: 03/08/2020 l 17:15




Compartilhe!

Protocolos sanitários e seus efeitos foram pauta de entrevista nesta segunda-feira (3) com o diretor técnico do Hospital São Luiz Gonzaga, José Renato Grisolia. Em um momento onde os casos nos municípios pequenos estão aumentando, o médico explicou também as razões envolvendo aplicação de certos medicamentos.

Evidenciando a alta de internações na região, José Renato não se declarou otimista com o cenário da pandemia para agosto, pelo contrário. Segundo fontes de Porto Alegre, estima-se que neste mês ainda vamos vivenciar um cenário de aumento nos casos, ao menos até a metade de agosto. Após, teremos uma quinzena com cerca de cem óbitos por dia no RS, para depois observarmos uma queda. Essa, ressalta o entrevistado, é uma perspectiva, uma hipótese.

Falando sobre o uso de diferentes medicamentos e suas reações em meio a esta pandemia, José Renato trouxe algumas informações nesse sentido. A Ivermectina, por exemplo, é usada para prevenir infecções bacterianas. Já o corticoide é usado para diminuir reações inflamatórias. Caso a pessoa não seja vacinada para H1N1, utiliza-se o Tamiflu. Já a Hidroxicloroquina, um dos medicamentos mais controversos e, infelizmente, politizado, é usada apenas em âmbito hospitalar e provavelmente terá sua eficácia debatida ainda por muito tempo, mas o entrevistado ressaltou que, no momento, acredita que, para se ter resultados, o melhor é que esse medicamento específico seja aplicado em casos precoces.

Falando mais sobre a rotina que envolve o trabalho no HSLG, José Renato também trouxe um fato inusitado, ocorrido neste final de semana, onde um paciente diagnosticado com Covid 19 pediu para sair da internação, mesmo antes do período previsto. A pessoa até não possuía sintomas atenuantes, porém, logicamente o caso gerou bastante estresse e, para resolver a situação, foi assinado um termo no qual o paciente garantiu que se responsabilizava pelo seu ato e que ficaria em isolamento domiciliar.

No mais, o trabalho segue, com preocupação, mas com fé em que as coisas melhorem. Hoje temos dez respiradores funcionando no HSLG, credenciados como respiradores temporários. José Renato voltou a ressaltar a importância da máscara como principal meio de evitar a proliferação do vírus.

Rádio Missioneira


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados