Escoteiros Caetés buscam voluntários

O Grupo de Escoteiros Caetés completou na última sexta-feira (25), 77 anos de atividades em São Luiz Gonzaga, sendo um dos grupos mais antigos na região. No sábado (26), os escoteiros estiveram reunidos durante todo o dia em sua sede, no Parque Centenário. Eles realizaram as atividades escoteiras e um almoço.

O grupo conta hoje com aproximadamente 80 pessoas. A tropa escoteira, com crianças de 11 a 14 anos possui 23 crianças; a alcateia de lobos 24 crianças. Já a tropa sênior, formada por jovens de 15 a 17 anos possui sete integrantes. Todos são comandados por 12 chefes, um número baixo para todas as atividades realizadas.

Por isso a chefia está em busca de novos voluntários, que possam atuar como chefes. O único requisito é ter mais de 21 anos e gostar de atividades que envolvam a natureza, como trilhas e acampamentos, além de ter disponibilidade de tempos aos sábados. O trabalho é voluntário.

Os interessados devem comparecer no sábado à tarde, entre as 14h e 17h, na sede dos escoteiros. Segundo a chefe Maristela Freitas, é um trabalho gratificante e que enriquece as pessoas. ‘’É gratificante ajudar a formar crianças com caráter, que serão adultos do bem’’, afirmou.

Para o próximo mês, os escoteiros planejam diversas atividades. No dia 10 de maio, em comemoração ao Dia das Mães, serão realizadas atividades juntamente com as mães dos escoteiros. Ainda ano mês de maio, o grupo participará de um encontro regional em Caibaté.

Eles também estão organizando um jantar bingo em prol da menina Raíssa Victória, portadora de rara doença de pele. A ideia de organizar o evento foi da tropa sênior dos escoteiros. Nesta semana, o grupo entrará em contato com os pais de Raíssa para definir a data do jantar.