Coopatrigo apresenta guia positiva da unidade de Garruchos

No ano passado (2013) a guia negativa referente a movimentação da safra de Garruchos (Unidade da Coopatrigo em São José Velho), resultou na queda do ICMS para este ano, isto é, as safras de 2013 não geraram impostos para o município.

Este fato desencadeou um movimento pela Administração municipal de Garruchos, no sentido de retificar a informação que, por questões técnicas, não pode ser feita junto a Fiscalização Estadual.

Na última Assembléia Geral da Coopatrigo, realizada no município de São Luiz Gonzaga, o Prefeito Municipal de Garruchos questionou novamente a direção da empresa sobre esse assunto e o Presidente Ivo Batista respondeu que o assunto não estava na pauta da assembleia, mas que aproveitaria para anunciar uma decisão da diretoria de não mais apresentar guias negativas nos municípios produtores.

Poucos dias depois da realização da assembleia, a Coopatrigo (Unidade de São José velho/Garruchos) apresentou a Fiscalização Estadual, uma guia positiva de R$ 4.318.309,34 (quatro milhões trezentos e dezoito mil trezentos e nove reais com trinta e quatro centavos). Essa declaração significa um fato positivo para o município, para a Coopatrigo e para os produtores de Garruchos que entregam sua produções na unidade de São José Velho.
Essa guia positiva resultará no aumento do ICMS para o ano de 2015 no município de Garruchos.