logo-nova

Rádio Online

Clique e confira

(55) 3352-4141

Fale conosco!

Rua Júlio de Castilhos 2236, Centro, São Luiz Gonzaga, RS

Santo Antônio das Missões comemora 58 anos de emancipação

Compartilhe!

Em um dia como hoje, em 1965, a antiga Vila Treze de Janeiro conquistava o seu desmembramento de São Borja

O município de Santo Antônio das Missões completa nesta quinta-feira (12), 58 anos de emancipação político-administrativa. Com uma população estimada pelo IBGE em 10.300 habitantes, é governado atualmente pelo prefeito Felisberto dos Santos Ferreira (Progressistas). Faz divisa territorial com os municípios de São Nicolau, São Luiz Gonzaga, Bossoroca, Itacurubi, São Borja e Garruchos.

Para celebrar a data, o município realiza nesta quinta-feira (12), várias ações. As principais delas são a inauguração da fachada do Centro Administrativo Izalda Maria Barros Boccacio, a distribuição do bolo de aniversário a todos os munícipes e visitantes, o show com Léo & Cauhã (18) e o encerramento da programação, com o show do Grupo Rodeio (20h).

HISTÓRIA

Santo Antônio das Missões, com seus 1.685 km², é considerado o maior município em extensão territorial da Região das Missões, guardando em seu território uma rica história, desde os primitivos guaranis, passando pelo domínio jesuíta, espanhol e português.

Conhecida antes como Vila Treze de Janeiro, era o 4° Distrito de São Borja, tendo este nome em homenagem à “Moção Plebiscitária de São Borja”. Teve sua emancipação político e administrativa em 12 de outubro de 1965. O nome Santo Antônio das Missões teve origem pelo fato de que onde hoje está situada a sede do município havia uma sesmaria denominada “Santo Antônio”, pertencente aos jesuítas.

O slogan do município é “Celeiro da Hospitalidade”, devido a comunidade santo-antoniense ser muito hospitaleira. Um dos pontos turísticos da cidade é o Museu Monsenhor Wolski, o qual possui o segundo maior acervo de miniaturas em arte barroca-jesuítica de todo o país. A Figueira, situada em frente a Câmara de Vereadores, é considerada Patrimônio do Município. Destacam-se também as cercas de pedras e a Estância do Itaroquém, bem como o centenário Cemitério do Itaroquém.

 

Foto: divulgação/TÁ NA MÍDIA

Rádio Missioneira

IMPORTANTE: Não autorizamos a reprodução de conteúdo em outros sites, portais ou em mídia impressa, salvo sob autorização expressa.