Juiz e promotor eleitoral fazem recomendações a eleitores durante o pleito - Rádio Missioneira - São Luiz Gonzaga - RS
55.99986.2313 (55) 3352-4141

PREVISÃO DO TEMPO

São Luiz Gonzaga
3 de outubro de 2014
55.99986.2313 (55) 3352-4141

Juiz e promotor eleitoral fazem recomendações a eleitores durante o pleito

3 de outubro de 2014 l 13:49
Materia atualizada: 03/10/2014 l 13:49




Compartilhe!

Responsáveis por conduzir o processo de votação na área da 52ª zona eleitoral, o juiz Alan de Oliveira Peixoto e o promotor Belmiro Pedro Welter falaram no programa Jornal da Manhã desta sexta, a dois dias da data onde se definirão os eleitos para senador, deputado estadual e federal e, caso não seja necessário segundo turno, governador e presidente.Em sua palavra, Alan Peixoto destacou sua expectativa por um pleito tranquilo, tanto é que, até o momento, nenhuma ocorrência de irregularidades no período da campanha foi noticiada à Justiça Eleitoral.

Sobre o fato de estas serem eleições em nível de país e não voltadas aos municípios, o promotor Belmiro lembrou que, quanto à Justiça Eleitoral, as regras que se aplicam são exatamente as mesmas, não importando a abrangência. Quanto à fiscalização para coibir atividades ilícitas, como boca de urna, o Promotor assegurou que todos os servidores efetivos do Ministério Público da comarca local foram convocados para ficar de plantão no sábado e domingo, prontos a atender qualquer solicitação da Justiça.

No dia do pleito, tanto o juiz Alan como o promotor Belmiro estarão no Cartório Eleitoral, enquanto funcionários do Ministério Público ficarão na Promotoria. Sobre as recomendações ao eleitor durante o domingo, Belmiro destacou a proibição no aliciamento de eleitores e entrega de propaganda eleitoral para outras pessoas.

É permitido portar bandeiras e outros símbolos dos partidos, desde que não seja uma manifestação coletiva. Veículos particulares não podem agir no transporte de eleitores, porém, segundo o juiz Alan, no caso de moradores de localidades distantes de seus respectivos domicílios eleitorais que recebam carona de um conhecido até o local da votação, a princípio não haverá nenhum problema nessa prática, lembrando que será feita fiscalização desse tipo de atividade por parte da Brigada Militar e dos próprios partidos.

Eleitores que votam em outra zona eleitoral que não a 52ª, mas que moram em São Luiz ou região, devem procurar qualquer seção eleitoral e lá apresentar o título de eleitor e documento com foto para justificar seu voto.


Copyright 2018 ® - Todos os direitos reservados