Rádio Online

Clique e confira

(55) 3352-4141

Fale conosco!

Rua Júlio de Castilhos 2236, Centro, São Luiz Gonzaga, RS

Há oito anos, edificações de São Nicolau eram tombadas como Patrimônio Histórico do Estado

Compartilhe!

Sobrado Silva e a Casa de Pedra foram construídos com materiais da antiga Missão de São Nicolau

Na última sexta-feira (15), o tombamento estadual de duas importantes edificações da cidade de São Nicolau completou oito anos. No dia 15 de outubro de 2013, a Casa de Pedra e o Sobrado Silva tiveram o seu tombamento pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado do Rio Grande do Sul (Iphae) publicado no Diário Oficial do Estado.

O Sobrado da Família Silva e a Casa em Pedra são duas edificações construídas com materiais da antiga redução jesuítico-guarani de São Nicolau. Nas duas construções foram empregados materiais similares e utilizadas diferentes técnicas construtivas, em edificações exemplares da arquitetura erudita e popular.

Conforme o processo de tombamento municipal, o Sobrado Silva foi construído por volta de 1900 pelo coronel da Guarda Nacional Inocêncio José da Silva, com as funções de residência e comércio. Foi cenário dos principais fatos históricos ocorridos na região.

Sobrado é um dos pontos turísticos da cidade | Foto: Prefeitura Municipal

O Sobrado, localizado em terreno de esquina, foi construído num único bloco retangular de alvenaria de pedras portantes da antiga Redução de São Nicolau. Os vãos de portas e janelas são em arco pleno – característicos do estilo neoclássico – e encontram-se fechados por tapumes ou abertos, tendo sido retiradas as esquadrias. Apresenta cimalhas e platibanda vazada.

Foram colocadas estruturas metálicas de andaimes nas fachadas principal, posterior e numa lateral, e um telhado novo na parte posterior. Observa-se o esmero da construção – no assentamento das pedras das paredes, na confecção dos arcos, no revestimento e demais detalhes construtivos e decorativos. Foram tombadas as alvenarias de pedra e revestimentos remanescentes da Redução de São Nicolau e demais elementos construtivos e decorativos – platibandas, cimalhas, frisos.

Hoje, São Nicolau, a Primeira Querência do Rio Grande, a única cidade a ser reerguida no 2° Ciclo e a segunda dos Sete Povos Missioneiros, conquista cada vez mais seu espaço no turismo.

Casa de Pedra guarda,até hoje, mistérios | Foto: Thiago Silva

 

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de São Nicolau e Iphae