Dia do Estudante: carreira de professor segue na mira de jovens são-luizenses

Compartilhe!

Aluna do Curso Normal do Instituto Osmar Poppe é exemplo de que trabalho na docência segue entre as escolhas de muitos jovens

Nesta quarta-feira (11), Dia do Estudante, a Rádio Missioneira conversou com Iasmim Wolfart, aluna do terceiro ano do Curso Normal (ex-magistério) do Instituto Estadual Osmar Poppe de São Luiz Gonzaga. Ela, assim como outros tantos jovens são-luizenses, viu a oportunidade de se qualificar após o Ensino Médio através da carreira docente.  

Em um período onde, cada vez mais, jovens deixam de escolher a profissão de professor como carreira, Iasmim avalia como uma excelente oportunidade de conquistar espaço, adquirir conhecimento e tentar auxiliar no desenvolvimento do país.

“A educação move o mundo. O Curso Normal nos amadurece e nos lança para o mercado docente. É uma rotina cheia de desafios, mas que vale muito a pena”, diz a estudante.

Iasmim avalia que o ingresso no curso não poderia ter sido melhor. Após não saber qual área seguir ao concluir o Ensino Médio, a estudante agora tem a certeza de que fez a escolha certa.

“Isso ocorre com outros jovens, que também ficam em dúvida quanto à escolha profissional e muitas vezes não percebem a grande oportunidade que o Osmar Poppe oferece”, afirma.

Iasmim conclui deixando uma importante mensagem aos jovens de desejam ingressar no Curso Normal e consequentemente dar os primeiros passo na carreira de professor.

“Não tenham medo. A palavra-chave é persistência. Os obstáculos e desafios sempre existirão, basta a gente saber resolvê-los. Não desista de seus objetivos”, finaliza.

Rádio Missioneira